sábado, 5 de maio de 2012

Vacinação contra a gripe

Levei as crianças para tomar a vacina da gripe.
Chegamos ao laboratório faltando 10 minutos para encerrar a vacinação. No meio do atendimento, Guilherme e Gustavo ficaram com vontade de ir ao banheiro ao mesmo tempo, e para fazer o "número 2".
Como sempre, quando eles vão ao banheiro, demoram um tempão. Acabam de fazer o serviço, mas ficam lá pensando na vida. Não tem quem os tire rápido...
Dessa vez não foi diferente!
Bom, na hora da vacina, Guilherme, que já sabia o que ia acontecer, ficava me perguntando quem ia tomar primeiro. Ele fez questão que fosse o Gustavo.
Gustavo não chorou! Quando terminou ele foi direto brincar no cavalinho que estava antes, nem parecia que tinha levado uma agulhada na perna.
Na vez do Guilherme, ele saiu correndo, fugiu mesmo. Tive de ir atrás e segurá-lo com toda a minha força. Tentei explicar que não doía, que o irmão não tinha nem chorado, mas não adiantou! Foi um escândalo!
Quando a enfermeira terminou de aplicar, ele ainda ficou chorando.
Eles ganharam sacolinha com suco, biscoito e balão, mas não adiantou. Só foi parar de chorar dentro do carro. Eu fiquei morrendo de dó!
Mas depois de tudo, acreditam que ele veio me dizer que nem doeu?!?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário